Detenções pela prática de crimes de corrupção

Direção Nacional

A Polícia Judiciária, através da Unidade Nacional de Combate à Corrupção, no âmbito de um inquérito que corre termos no DIAP de Leiria, investiga, além de outros, factos suscetíveis de enquadrar a prática de atos que consubstanciam os crimes de corrupção passiva e corrupção ativa e de tráfico de estupefacientes, por elementos da GNR, relacionados com o recebimento de contrapartidas, com a finalidade de evitar as fiscalizações a empresários.

Assim, no âmbito da Operação MERLUCCIOS, foram detidos cinco homens, com idades compreendidas entre os 46 e os 53 anos e realizadas onze buscas, sendo oito em domicílios, duas em sedes de empresas e uma ao Subdestacamento de Controlo Costeiro de Peniche da GNR.

A Polícia Judiciária prossegue as investigações.

Os detidos foram presentes a primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Instrução Criminal de Leiria, tendo-lhes sido aplicadas as medidas de coação de proibição de contactos entre os arguidos e os outros militares do subdestacamento de Peniche, proibição de exercício de funções e obrigação de apresentações semanais em Órgão De Polícia Criminal local.

 

Corrupção
Imprimir