Os factos ocorreram na ilha do Faial e o suspeito tinha ligações familiares à vítima

Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada, identificou e deteve um indivíduo do sexo masculino, pela presumível prática de múltiplos crimes de abuso sexual de criança, na sua forma agravada.

Os abusos iniciaram-se em 2014, quando a vítima, uma menina, tinha apenas 6 anos de idade, na ilha do Faial, num contexto de proximidade familiar e vizinhança, tendo-se o suspeito aproveitado desses factos, para a molestar sexualmente, de forma reiterada ao longo dos anos.

A investigação, permitiu ainda apurar, que o suspeito já tinha histórico de abusos intrafamiliares.

A PSP da Horta disponibilizou relevante apoio para a realização das diligências que foram desenvolvidas.

O detido, com 57 anos de idade, foi presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas coativas tidas por adequadas.

 

Imprimir