Direção Nacional

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal da Guarda, identificou e deteve um homem, com 46 anos de idade, fortemente indiciado pela prática, reiterada, pelo menos ao longo de vários meses, de múltiplos crimes de posse e partilha de ficheiros de vídeo e também fotográficos, contendo material pornográfico envolvendo menores de 14 anos de idade.

Tais ficheiros e demais material probatório, foram apreendidos na sequência de uma busca domiciliária realizada ontem, na localidade de Gouveia, no âmbito de investigação criminal instaurada por denúncia de eventuais crimes de aliciamento de menores para a prática de atos sexuais.

Das várias diligências de investigação, entretanto já realizadas, foi possível apurar que o arguido acedeu a diversos sítios na Internet, contendo pornografia de menores, importando os respetivos conteúdos, via download, alguns dos quais seguidamente também chegou a partilhar no espaço virtual, fazendo uploads de imagens de cariz sexual com menores de muito tenra idade.

O detido, já anteriormente condenado numa pena de prisão efetiva pela prática do crime de abuso sexual de crianças, vai agora ser presente às competentes autoridades judiciárias, para efeitos de primeiro interrogatório judicial e sujeição a adequadas medidas de coação.

 

Crime sexual contra criança | Pornografia online
Imprimir