A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte, efetuou a detenção de um individuo de 50 anos, residente na área do Porto, que se ausentou de Portugal com um descendente, menor, mantendo-o sequestrado durante 52 dias.

A detenção verificada em solo europeu, durante a semana transata, só foi possível graças à colaboração policial e judicial europeia que logrou a sua localização e permitiu o cumprimento de mandado de detenção europeu emitido para efeitos de procedimento criminal.

O detido foi entregue às autoridades nacionais e presente a tribunal que lhe aplicou a medida de coação de obrigação de permanência na habitação com vigilância eletrónica.

Imprimir