Os factos foram praticados no concelho de Loures

Direção Nacional

A Polícia Judiciária, através da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo, procedeu à identificação, localização e detenção fora de flagrante delito de um homem estrangeiro, com 47 anos de idade, por existirem fortes indícios da prática de um crime de abuso sexual de crianças, na sua forma agravada.

Os factos foram cometidos sobre a sua filha mais velha, com 13 anos de idade, durante o período de férias escolares da passada época natalícia.

O crime ocorreu no interior da residência de família, tendo o autor aproveitado a ausência dos restantes familiares, nomeadamente da mãe da criança, para a submeter a atos sexuais de relevo.

O arguido detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal de Instrução Criminal de Loures, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

 

Crime sexual contra criança
Imprimir