DVI Tipagem de Perfis

         Fundo para a Segurança Interna

        PT/2018/FSI/314


Descrição e objetivos do projeto:  esta candidatura visa dotar o LPC de capacidade de resposta efetiva e imediata na identificação genética humana de vítimas, suspeitos e intervenientes em cenários de criminalidade violenta e organizada ou quaisquer outros de exceção (Disaster Victim Identification), através da criação de um workflow de trabalho a acionar nestas situações.

Para tal é necessário adquirir, validar e implementar no LPC equipamento específico para melhorar a qualidade da recolha de vestígios e para conceder robustez, mobilidade e maior capacidade analítica, quantitativa e qualitativa, para a obtenção de perfis de ADN. Por outro lado, devido ao tipo das amostras analisadas nestas situações, é frequente a obtenção de resultados de misturas complexas de perfis de ADN, que importa, de modo automático e célere, tratar estatisticamente para valoração da conclusão. Para tal é também necessário adquirir software apropriado que permita o cálculo de frequências e graus de probabilidade.

 

Data de assinatura da Convenção de Subvenção: 24-07-2018

Data de início do projeto: 30-11-2018

Data de fim previsto: 28-02-2020

Investimento Total: € 516 861,99

Comparticipação Comunitária (75,00%): € 387 646,49

Contrapartida Nacional: € 129 215,49

Equipa de Projeto: APIC, Sandra Cristina Costa, Ana Paula Cardoso